nunca mais rosas mancharão meu ventre
Quinta-feira, 15 de Junho de 2006
Depois do amor
     

 

Então soubemos

a via transparente,

a luz reveladora,

a meta incandescente!

Silenciemos agora...

Adormece nos meus olhos

e deixa que entre

a alvorada acolhedora.

 

(Amor jura que vens ter comigo

mais logo, no limiar da noite,

para eu semear o teu caminho de flores)

 

 


Fotografia: Mar

publicado por Mar às 19:05
link do post | atirar rosas! | favorito
|

5 comentários:
De Nilson Barcelli a 16 de Junho de 2006 às 13:45
Depois do amor, mais amor...
"Adormecer nos teus olhos" é uma linda imagem.
Gostei das tuas palavras, cada vez mais doces e sensuais.
Beijinhos.


De Maria Papoila a 16 de Junho de 2006 às 21:39
Mar:
Que belo poema.
Guardei "adormece nos meus olhos..." Muito profundo e doce.
Beijo


De maresiasuave a 16 de Junho de 2006 às 23:31
Mar mas que bela poesia essa... ou nao fosse da minha "familia"...Adorei seu espaço...venha rever o meu.Aqui deixo convite

beijo com sabor a Maresi@


De isa&luis a 19 de Junho de 2006 às 19:01
Olá menina Mar,

Belissimo poema, ternurento doce apaixonante.

Adorei!

Beijinhos muitos para ti doce menina

Isa


De a 29 de Junho de 2006 às 15:46
Lindo!! Sem palavras, apenas emoção.Beijo


Comentar post

pesquisar
 
Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Adeus

Primavera

Quando?

Faz-me o favor...

Amigos

hoje o amar...

hoje o mar...

Nocturno III

Nocturno II

Nocturno I

arquivos

Dezembro 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

tags

todas as tags

favoritos

Véspera

Carícia

Postal

Sossega

Final de mini-férias

Viagens

Daninha

links
Oil Of Angels - Co...
, Oil of Angels
Support Amnesty International
Cool Slideshows

free counter
rosas

Aidez FREDI en mettant cette bannière sur votre site
blogs SAPO
subscrever feeds