6 comentários:
De a 11 de Maio de 2006 às 00:11
Deixo aqui uma rosa para juntares à tua bela flor. Bonito o que escreveste.


De a 11 de Maio de 2006 às 00:45
E esquecia-me de te dizer que já dei 2 moskitinhos á tua Zizi trabalhadora.


De M a 11 de Maio de 2006 às 12:46
Bonito este "fim completo do silêncio dos corpos".


De Maria Papoila a 11 de Maio de 2006 às 21:33
Que lindo o que escreveste a propósito dessa tua flor sol! E tudo recomeça! Beijo


De Gaybriel a 11 de Maio de 2006 às 22:05
Oi, não fazia sentido nenhum andar longe deste mundo colorido que sempre me encheu de alegria ao lêr... Voltei: "Apetece-me apenas esperar, esperar que este imenso mar me envolva e me transporte, misturando toda esta dor, todo este tormento com as areias submersas, escondendo-me de tudo e de todos, para que não tenha que sofrer mais, para que não tenha que chorar as lágrimas que afinal teimam em não secar…"


De Mag a 13 de Maio de 2006 às 13:09
o ciclo recomeça sempre, não é? bom de ouvir...


Comentar post